Siga Marcello Reis no FOICEbook

sábado, 23 de junho de 2012

PCC - QUER DESARMAR A POPULAÇÃO !@!


"Como diria o Príncipe de Talleurand, esse projeto mais que um crime, é um erro e o Brasil nada ganha com ele. O resultado de Forças Armadas desmoralizadas é que no futuro os jovens não mais verão na carreira militar um atrativo, ninguém quer atrelar seu futuro a uma Instituição enfraquecida, tampouco um jovem vai fazer sacrifícios em favor de uma corporação desmoralizada, um País das dimensões do Brasil fará uma loucura em tornar dispensável uma das mais importantes Instituições que formaram o País através de séculos de História."


"Depois que o governo tirou o direito do cidadão de portar uma arma e dificultou o porte, chegando a ser quase IMPOSSÍVEL de se ter uma arma, e pôs a população refém do 4º elemento deste partido de bandidos, não poderíamos esperar outra ação, senão está a qual o povo de São Paulo vem vivenciando nestes ano.

Vocês esqueceram mas eu não esqueço, no ano de 2006, mais precisamente no dia 15 de junho, o PT mandou o seu 4º elemento para a linha de combate e sitiaram uma cidade de mais de 21 milhões de habitantes, ASSASSINARAM mais de 800 pais de família e a mídia noticiou que foram "Apenas" 115 mortos, de 251 ataques do PCC em policiais e civis durante 5 dias de ação, para enfraquecer e sujar a imagem do governador Geraldo Alckmin, que disputava às eleições presidenciais naquele ano. E este ano não vai ser diferente o enredo deste samba do crioulo doido, as ações já começaram no estado e na capital. Com um saldo de 4 PM´s mortos em menos de 72 horas na capital paulista." Bruno Toscano


Não é possível que as pessoas não estão enxergando que TERRORISTAS estão implantando A DITADURA COMUNISTA no nosso País !@!

como diria RUI BARBOSA,
De tanto ver TRIUNFAR as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto...

Assinado
Marcello Reis
Fundador Revoltados ON LINE

IMPEACHMENT DA QUADRILHA DO PT JÁ

IMPEACHMENT DA BANDILLMA JÁ... O POVO ADORA MESMO QUEM LHES COLOCA NA MERDA E A FAZ COMER, ESSA GENTE QUE DEFENDE O PT DEVE SOFRER DE ESQUIZOFRENIA ALUCINÓGENA CAUSADA POR ALGUMA DROGA, POIS SE O POVO NÃO TEM SAÚDE, EDUCAÇÃO, SANEAMENTO BÁSICO, SEGURANÇA E TRANSPORTE DIGNOS E AINDA DEFENDE UM GOVERNO ASSASSINO QUE DIZIMA O NOSSO POVO NAS FILAS DOS HOSPITAIS, ESTRADAS, RUAS E FAZ O POVO SER O SEGUNDO POVO NO MUNDO EM SUICÍDIOS, EU SÓ POSSO ME CONVENCER DE QUE O POVO BRASILEIRO É UM POVO DE LOMBRIGAS, SE TIRAR DA MERDA MORRE... O QUE TÁ FALTANDO MAIS PARA ESTE ESTADO QUE NÃO É NAÇÃO ACORDAR E GANHAR ÀS RUAS PARA TIRAR ESTES IMPOSTORES QUE NUNCA DEVERIAM TER CHEGADO NO PODER, USANDO UM DISCURSO SOFISTA PARA DEPOIS TRAIR E ANIQUILAR O NOSSO POVO?


ACORDA BRASILLLLLLLLLLLLL


VAMOS TIRAR ESTA CORDA DO PESCOÇO JUDAS...







Por: Bruno Toscano

ATAQUES A CONTRA PM´s VOLTA ASSUSTAR SÃO PAULO

Depois que o governo tirou o direito do cidadão de portar uma arma e dificultou o porte, chegando a ser quase IMPOSSÍVEL de se ter uma arma, e pôs a população refém do 4º elemento deste partido de bandidos, não poderíamos esperar outra ação, senão está a qual o povo de São Paulo vem vivenciando nestes ano.

Vocês esqueceram mas eu não esqueço, no ano de 2006, mais precisamente no dia 15 de junho, o PT mandou o seu 4º elemento para a linha de combate e sitiaram uma cidade de mais de 21 milhões de habitantes, ASSASSINARAM mais de 800 pais de família e a mídia noticiou que foram "Apenas" 115 mortos, de 251 ataques do PCC em policiais e civis durante 5 dias de ação, para enfraquecer e sujar a imagem do governador Geraldo Alckmin, que disputava às eleições presidenciais naquele ano. E este ano não vai ser diferente o enredo deste samba do crioulo doido, as ações já começaram no estado e na capital. Com um saldo de 4 PM´s mortos em menos de 72 horas na capital paulista.

QUERO VER O POVO DOS DIREITOS HUMANOS FALAR MAL DOS PM´S E IR AMPARAR AS FAMÍLIAS DESTES BRAVOS HERÓIS NÃO RECONHECIDOS POR UMA SOCIEDADE CORRUPTA E CRETINA, QUE AO INVÉS DE SE UNIR PARA EXIGIR MELHORES CONDIÇÕES DE TRABALHO E SALÁRIOS DIGNOS PARA ESTES HOMENS, QUE DÃO SUAS VIDAS PARA SALVAR AS SUAS.

ONDE ESTÃO OS DIREITOS HUMANOS QUE NÃO FALAM NADA SOBRE ESTE CASO? OU SERÁ QUE OS DIREITOS SÓ SERVEM PARA OS "MANOS" DE CABELINHOS PINTADOS QUE ANDAM COMO RATOS E DANÇAM COMO CATITAS?

O PT é uma facção criminosa e o PCC o braço da quadrilha.

Por: Bruno Toscano

COMISSÃO DA VERDADE - LUIS NASSIF





COMISSÃO DA VERDADE - LUIS NASSIF

Não sou fã do jornalista e blogueiro Luis Nassif, é integrante de grupo que recebem do governo para defende-lo.
Esta é segunda vez que irei concordar com ele, a primeira foi em um seminário sobre matriz energética e energia em 2005/06. Vale e pena ler. Leiam e reflitam (Marcos Maher)

A VERDADE É FILHA DO TEMPO, NÃO DA AUTORIDADE" -( GALILEU GALILEI )

sábado, 26 de maio de 2012

OS OBJETIVOS DA COMISSÃO DA VERDADE –

Luis Nassif

A Comissão da Verdade NUNCA foi uma demanda da sociedade brasileira, que tem outras e muito mais reais preocupações, conforme pesquisa conduzida pelo próprio Governo através do IPEA. A população brasileira tem como primeira preocupação a violência de que é vítima nas ruas, nas casas, nas escolas, nos latrocínios, nos arrastões, violência essa que parece não incomodar a mínima a esquerda que no seu subconsciente acha que o assaltante é ao final um coitadinho que apenas está fazendo justiça social.

A Comissão da Verdade é um PROJETO político da esquerda radical, que não está nem aí para as famílias das vítimas, usadas como cobertura do projeto e sim com o CAPITAL POLITICO que pretende gerar com essa Comissão, emparedando as Forças Armadas para ao final enfraquecê-las.

Os governos pós-regime militar não se arriscaram com esse projeto, nem o próprio Lula se entusiasmou com a instalação dessa comissão, o atual Governo, não obstante o equilíbrio e a sensatez da Presidente Dilma, pareceu sem forças para resistir a essa investida da esquerda radical e tentou minimizar a pressão com a indicação de dois nomes mais centrados, José Carlos Dias e Gilson Dipp, o que de imediato gerou protestos dos radicais, que queriam uma Comissão 100% esquerdizante.

O custo político para o Governo será alto.

No meio militar não há ilusões quanto às reais intenções dos “pais” dessa Comissão, especialmente do seu obvio “líder”, Paulo Sérgio Pinheiro, o mesmo que operou, de dentro da Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA, onde era Vice-Presidente, a montagem do processo originário de uma denúncia de parente de guerrilheiro do Araguaia, apresentada em 2009 que evoluiu para um processo de condenação do Brasil na Corte de São Jose. Paulo Sérgio Pinheiro, um típico esquerda de salão de nível internacional, é determinado, preparado, bem conectado e tem um projeto definido, conhece como ninguém os bastidores desse movimento internacional de direitos humanos aparentemente neutro, mas na realidade cabeça de ponte de objetivos muito mais altos.

Em um momento que o Estado brasileiro deveria dar a partida para um grande projeto de 'upgrade' de suas Forças Armadas, para elevá-las ao nível de importância do Brasil na ordem global, considerando que o Brasil está MUITO ABAIXO dos outros BRICs no potencial militar, neste momento crucial o Estado brasileiro se dá ao luxo de desprestigiar ao máximo suas Forças Armadas ao colocá-las no banco dos réus como se marginais fossem, detonando um capital vital para a operação militar, qual seja o prestígio e o apoio que o Estado dá à sua Instituição Militar.
Os outros grandes emergentes, a Rússia, a China e a Índia jamais cairiam nessa armadilha e suas Forças Armadas, se fosse possível um ranking de violência, fariam as nossas serem inocentes escoteiros, mas nenhum desses grandes Estados cogitou de colocar suas forças armadas como rés de um processo público de desmoralização avalizada pelo Estado.

Não venham com o exemplo do Chile. As Forças Armadas chilenas são a instituição mais forte do País até hoje, as forças mais bem equipadas da America Latina, não houve nenhum processo de julgamento da Instituição Militar chilena, cujo currículo de violação de direitos humanos é infinitamente mais pesado do que se acusam as do Brasil e olhe que o Chile em população é menos de um décimo da que é o Brasil. A Instituição Militar chilena manteve toda sua estrutura intacta, sua participação no Orçamento é vinculada à arrecadação, nunca tiveram falta de verbas ou sucateamento.

Os processos de saída dos regimes militares argentino, chileno e uruguaio foram completamente diferente do brasileiro, suas anistias foram auto-concedidas e não negociadas e se referiram apenas ao lado militar e não aos seus adversários, portanto comparar os processos é uma fraude intencional.

Como diria o Príncipe de Talleurand, esse projeto mais que um crime, é um erro e o Brasil nada ganha com ele. O resultado de Forças Armadas desmoralizadas é que no futuro os jovens não mais verão na carreira militar um atrativo, ninguém quer atrelar seu futuro a uma Instituição enfraquecida, tampouco um jovem vai fazer sacrifícios em favor de uma corporação desmoralizada, um País das dimensões do Brasil fará uma loucura em tornar dispensável uma das mais importantes Instituições que formaram o País através de séculos de História.

NOTA: Esses objetivos estão sendo ignorados pelos nossos CHEFES MILITARES, que preferem manter suas funções, porém, quando acordarem e quiserem reagir será tarde demais: as FORÇAS ARMADAS estarão desmoralizadas e desacreditadas e ninguém desejará ingressar nas mesmas... A profissão militar se tornará uma profissão de 3ª classe... QUEM VIVER VERÁ!



Assinado
Marcos Maher
Administrador Revoltados ON LINE

O CHORO DA UNASUL E DAS VIÚVAS DO MURO DE BERLIM


Governos de Argentina, Venezuela, Equador, Chile, Bolívia, México e Peru criticaram o processo de impeachment do presidente do Paraguai, Fernando Lugo, e a posse de seu vice, Federico Franco, na Presidência.
A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, afirmou que a situação em Assunção é "inaceitável". "Sem dúvidas, houve um golpe de Estado", disse Cristina.
Em discurso no Palácio de Miraflores, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, disse que seu país "não reconhece a este nulo, ilegal e ilegítimo governo que se instalou em Assunção".
O presidente equatoriano Rafael Correa acredita que foram ignorados procedimentos no processo de destituição de Lugo. "Já chega destas invenções na nossa América, isto não é legítimo, e não acredito que seja legal. O governo do Equador não reconhecerá outro presidente do Paraguai que não seja o senhor Fernando Lugo", criticou.
Evo Morales, presidente da Bolívia, elogiou o trabalho de Lugo no comando do Paraguai. "A Bolívia não reconhecerá um governo que não surja das urnas e do mandato do povo", disse. Segundo ele, Lugo estava acabando com os "grupos de poder" no país, o que "sempre tem um custo".
Os governos do Peru e do Méxicotambém se pronunciaram contra o processo.
A Unasul (União de Países Sul-Americanos) havia manifestado apoio a Lugo antes do Senado votar a deposição dele.
Já os EUA pediram "calma e responsabilidade" aos paraguaios, além de "respeito aos princípios democráticos".
O governo brasileiro ainda não se pronunciou oficialmente sobre o caso.

Segundo um interlocutor da Presidência, se não houver "clamor popular" contra a destituição de Lugo, o fato indicará que a responsabilidade pela perda de apoio político é do próprio presidente paraguaio. Nessa circunstância, o Mercosul poderá reconhecer o novo governo.
Fonte: G1


Em suma, DITADURA SINDICAL phode, o que não phode é agir dentro da lei para se manter a ordem e a soberania de um país.
Ditador é ditador, vaca é vaca.
Por: Bruno Toscano

O IMPEACHMENT DE LUGO E A LADRA ARGENTINA, O PT DIZ QUE É GOLPE

A Câmara dos Deputados do Paraguai aprovou ontem, por 73 votos à favor e apenas 1 contra, o início de um processo de IMPEACHMENT contra o presidente Fernando Lugo, responsabilizado por um confronto com sem terras que deixou 17 mortos no último dia 15. 

Isolado politicamente há meses, Lugo pode ser destituído ainda hoje 22, quando o senado Paraguaio avaliará o caso. O presidente conta apenas com 2 dos 45 senadores, e ele terá somente duas horas para se defender.

Ele disse no final desta tarde que acatará o julgamento político no Senado que pode provocar a sua destituição, mas advertiu que impulsionará uma resistência "a partir de outras instâncias organizacionais".

O Senado do Paraguai começou no início da tarde o julgamento do processo de impeachment do presidente. Lugo, acusado de "mau desempenho de suas funções" pelo parlamento dominado pela oposição, decidiu não comparecer ao julgamento e apenas enviou sua equipe de cinco advogados para apresentar sua defesa ao Senado.
"É preciso acatá-lo (o julgamento político), é um mecanismo constitucional, mas a partir de outras instâncias organizacionais certamente decidiremos fazer uma resistência para que o âmbito democrático e participativo do Paraguai vá se consolidando", afirmou Lugo.


Seriam estas "Instâncias Organizacionais" as mesmas que intimidaram o povo Boliviano que tentou depor o presidente cocaleiro evo morales, semelhantes com as ações que fizeram o movimento terrorista Sendero Luminoso no Peru, agora reduzido e transformado em um grupo narco-terrorista? O vídeo abaixo é de extrema violência contra os animais, que foram degolados em praça pública na Bolívia em 2007.


Já na Argentina, o quadro é bem mais grave do que imaginamos, a Cristina Kirschner vem ROUBANDO e usando do punho de ferro, para calar a imprensa que mostra as verdades sobre o seu governo NAZICOMUNISTA, que retrocedeu na democracia ao estatizar a maior empresa do país que criou um foco de instabilidade econômica, depois que ela ROUBOU a empresa petroleira REPSOL-YPF espanhola. Seria este o momento do SURTO POPULISTA do grupo da UNASUL


E como não poderia deixar de ser, o governo brasileiro disse que tudo isto não passa de um GOLPE e que isto, causou uma ferida na democracia da América Latrina, digo, Latina.

Como sempre eles tinham que pronunciar e achar que isto foi um GOLPE para se protegerem, pois se no Paraguai o Lugo caiu porque usou da violência e causou uma chacina entre os sem terra, no Brasil, a falta de comPTência que ASSASSINA diariamente mais de 160 brasileiros nas filas dos hospitais, não faz com que o governo do PT caia por incomPTêntencia.


É duro ver um povo que não luta pelos seus direitos e muito menos, faz valer às leis de seu país, porque acostumou-se a viver com o "JEITINHO BRASILEIRO DE SER". O que podemos esperar deste estado que não é nação? E desta indigna-nação que não vai para às ruas derrubar os seus ditadores, que adoram se fazer de vítimas quando na verdade, são os verdadeiros bandidos da nação.

Por: Burno Toscano